Mensagem de Boas-Vindas

Diretora Clínica HIA

“O Hospital Internacional dos Açores, posiciona-se como uma Unidade de Saúde diferenciada, na Região Autónoma dos Açores, tendo como objetivo a criação de um Hospital de proximidade, para com toda a comunidade que nos procura.

Centrado na humanização da prestação de cuidados de saúde, o nosso enfoque será sempre qualidade e segurança, conjugando profissionais de saúde de renome...
VER MAIS
Mensagem de Boas-Vindas

Presidente do Conselho de Administração

"O projeto do Hospital Internacional dos Açores, nasce da vontade dos seus promotores apoiarem e colmatarem, uma oferta não abrangente na sua globalidade, na Prestação de Cuidados de Saúde Privada na Região.

Com uma estrutura acionista sólida, e forte experiência no que respeita à gestão de Unidades de saúde, o Hospital Internacional dos Açores pretende implementar uma Unidade com uma capacidade instalada abrangente, integrada e diferenciadora...
VER MAIS
Previous
Next
PISOS:

PISO 0

PISO 1

PISO 2

Atendimento Permanente

Unidade de Imagiologia

Bloco Operatório (3 Salas + 1 Híbrida)

Exames Especiais

Zona Administrativa

Restaurante/Snack Bar

Consulta Externa

Área da Mulher

Hospital de Dia

Medicina Dentária

Unidade Funcional de Acidentes & Reabilitação Física

Internamento

Internamento Pediátrico

Cuidados Intensivos Neonatais

Maternidade

Cuidados Intensivos

Internamento

Secções:

Atendimento Permanente

Unidade de Imagiologia

Bloco Operatório (4 Salas)

Exames Especiais

Secções:

Internamento Pediátrico

Cuidados Intensivos Neonatais

Internamento

Maternidade

Cuidados Intensivos

Secções:

Consulta Externa

Área da Mulher

Restaurante/Snack-Bar

Zona Administrativa

Hospital de Dia

Medicina Dentária

Unidade Funcional de Acidentes & Reabilitação Física

Horários & Funcionamento

Em contexto COVID-19 e face à necessidade de reforçar as medidas de proteção dos doentes e da comunidade em geral, foram definidas novas regras para visitantes e acompanhantes no HIA.

Horário de Consultas:

das 08h às 20h

Atendimento Médico Permanente:

24h

Horário de Visitas:

das 12h às 20h

Em período de funcionamento pós contexto pandemia/ Covid

O Hospital Internacional dos Açores tem ao seu dispor as seguintes especialidades médicas e cirúrgicas:

Anestesiologia é a especialidade que atua de forma a reduzir ou eliminar a dor do utente que é submetido a procedimentos cirúrgicos ou a exames de diagnóstico.

A Angiologia e a Cirurgia Vascular atuam em conjunto. Enquanto a angiologia é a especialidade que se dedica ao tratamento clínico das doenças que envolvem os vasos sanguíneos e os vasos linfáticos, a cirurgia vascular permite o seu tratamento cirúrgico.

Cardiologia é a especialidade que se ocupa do diagnóstico e tratamento das doenças do coração.

Cirurgia Cardiotorácica é a especialidade direcionada para o tratamento cirúrgico de doenças cardiovasculares e torácicas.

Cirurgia Geral é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento cirúrgico das doenças do sistema digestivo, endócrinas, metabólicas ou da obesidade, da patologia da mama e das hérnias, utilizando técnicas de abordagem clássica ou via laparoscópica.

Cirurgia Maxilo-Facial é a especialidade vocacionada para o tratamento de doenças relacionadas com problemas na face, na cavidade oral e na região cervical.

Cirurgia Pediátrica é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento cirúrgico de doenças do recém-nascido, da criança e do jovem até aos 18 anos.

Cirurgia Plástica, Reconstrutiva e Estética é a especialidade que se dedica ao tratamento cirúrgico de doenças e malformações congénitas e adquiridas, de lesões traumáticas da pele e anexos, nos seus aspetos estéticos, morfológicos e funcionais.

Coloproctologia é a subespecialidade que se dedica ao estudo, diagnóstico e tratamento das doenças do intestino grosso (cólon), reto e ÂNUS.

Dermatologia é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento clínico e cirúrgico das doenças da pele e anexos cutâneos, nomeadamente unhas, mucosas, pelos e cabelos.

Endocrinologia é a especialidade que estuda o funcionamento do sistema endócrino, procurando por exemplo, o tratamento da diabetes, obesidade, doenças da tiróide, desequilíbrio da glândula hipófise, distúrbios da menstruação, entre outros.

Estomatologia é a especialidade que se dedica ao estudo da boca. O dentista, o especialista em estomatologia, é o profissional que previne, diagnostica e trata as doenças relacionadas com a boca.

Gastrenterologia é a especialidade que estuda, diagnostica e trata as doenças do sistema digestivo.

A Genética é a especialidade da biologia que estuda os genes, a hereditariedade e a variação dos organismos, assim como a forma como estes transmitem as características biológicas de geração para geração.

Ginecologia é a especialidade que se dedica à prevenção, diagnóstico e tratamento das doenças do aparelho reprodutor feminino. 

A Hematologia trata doenças benignas e malignas do sangue.

Imagiologia é a especialidade da medicina que utiliza diversos tipos de equipamento para diagnóstico de doenças e patologias.

Imunoalergologia é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento das doenças alérgicas e do sistema imunitário.

Medicina da Dor é a especialidade que se dedica à prevenção, diagnóstico e tratamento da dor aguda e crónica em todas as suas dimensões.

Medicina Dentária é a área responsável pelo estudo, diagnóstico, prevenção e tratamento de condições fisiopatológicas que afetam a cavidade oral, os maxilares e as estruturas associadas.

Medicina Física e Reabilitação é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento de deficiências e incapacidades funcionais, tendo como objetivo a promoção da função física e cognitiva, da atividade, da participação e na modificação dos fatores pessoais e ambientais.

Medicina Geral e Familiar é a especialidade responsável pelos cuidados de saúde primários aos utentes e famílias.

Medicina Materno-fetal é a especialidade que corresponde a uma área da obstetrícia, dedicada ao tratamento das doenças da gravidez e do feto.

Medicina Interna é a especialidade médica que avalia e trata o utente adulto e idoso no seu todo, tendo em conta toda a complexidade do organismo humano.

Nefrologia é a especialidade que se ocupa do diagnóstico e tratamento clínico das doenças que afetam o funcionamento dos rins.

Neonatologia é o ramo da pediatria que se dedica às crianças desde o nascimento até aos 28 dias de idade.

Neurocirurgia é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento cirúrgico das doenças do sistema nervoso central e periférico, assim como das doenças da coluna vertebral.

Neurologia é a especialidade que previne, avalia e trata as doenças do sistema nervoso central (cérebro e medula espinhal), e do sistema nervoso periférico (nervos cranianos e raquidianos).

Neurorradiologia é uma subespecialidade da radiologia médica que identifica e avalia anormalidades no sistema nervoso, cabeça e pescoço.

A Nutrição é a especialidade que se dedica à avaliação das necessidades nutricionais e ao planeamento alimentar.

Obstetrícia é a especialidade que se dedica ao acompanhamento das grávidas durante a gestação, no parto e no pós-parto.

Oftalmologia é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento das doenças relacionadas com o olho.

A Oncologia médica estuda e trata diferentes tipologias de cancro.

Ortopedia é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento médico e cirúrgico das doenças do sistema locomotor, como ossos, músculos, ligamentos e articulações.

Otorrinolaringologia é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento médico e cirúrgico das doenças relacionadas com os ouvidos, nariz, garganta, cabeça e pescoço.

Pediatria é a especialidade que se dedica à assistência à criança e ao adolescente, seja de forma preventiva ou curativa.

Pneumologia é a especialidade que se dedica à prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças do sistema respiratório.

Psicologia é a especialidade que se dedica ao estudo e análise do comportamento e dos processos mentais.

Psiquiatria é a especialidade que se dedica à prevenção, diagnóstico e tratamento dos transtornos mentais e de comportamento.

Reumatologia é a especialidade que se dedica ao tratamento das doenças que afetam as articulações, os ossos, os músculos, os tendões, e os ligamentos, designadas de doenças reumáticas.

Senologia é a subespecialidade que se dedica ao diagnóstico, estudo e tratamento das doenças da mama.

Urologia é a especialidade que se dedica ao diagnóstico e tratamento médico e cirúrgico das doenças do sistema urinário feminino e masculino e do aparelho genital masculino.

Enfarte do miocárdio

Comummente conhecido por ataque cardíaco, o enfarte do miocárdio ocorre quando o coração deixa de receber sangue e oxigénio nas quantidades necessárias, pelo facto de uma ou mais artérias que irrigam este órgão terem ficado bloqueadas, provocando a morte das células da área afetada.

Os coágulos sanguíneos estão na origem da maior parte dos enfartes do miocárdio, coágulos estes que resultam de um processo denominado aterosclerose que envolve a rigidez e estreitamento das artérias. Maus hábitos alimentares originam níveis elevados de triglicéridos e de mau colesterol (LDL) no organismo que consequentemente promovem a formação de placas no interior das artérias reduzindo assim o fluxo de sangue.

As doenças cardiovasculares ou do aparelho circulatório, continuam a ser a principal causa de morte em Portugal e no resto da europa.

 

Sintomas

Um enfarte do miocárdio pode manifestar-se de várias formas. O “problema” é que algumas delas são enganadoras na medida em que são passíveis de ser mal interpretadas ou até ignoradas.

Os sintomas mais comuns são:

1- Dor em forma de aperto (tende a irradiar para as costas, braço esquerdo, maxilar ou pescoço)

2 -Sensação de peso ou pressão no centro do peito.

3 – Respiração e ritmo cardíaco irregulares e rápidos

4 -Tonturas

5 – Fraqueza

6 – Náuseas e vómitos

7 – Sudação

8 – Sensação de pânico

 

A importância de agir rápido

Na eventualidade de identificar algum dos sintomas acima referidos, é fundamental agir rápido. Tal significa que deve deslocar-se, o mais depressa possível, ao hospital mais próximo. Isto porque, quanto mais rápido o fizer, maiores serão as possibilidades de recuperação.

 

Fatores de risco

São vários os fatores que podem contribuir para a ocorrência de um enfarte do miocárdio. Note-se que a maior parte destes dependem exclusivamente dos hábitos e escolhas que fazemos.

1 – Tabagismo

2 – Maus hábitos alimentares (dieta rica em gorduras saturadas, sal, etc)

3 – Níveis elevados de colesterol LDL

4 – Sedentarismo (falta de exercício físico)

5 – Excesso de peso

6 – Diabetes

7 – Antecedentes familiares de enfarte ou doença coronária

8 – Stress

9 – Hipertensão arterial

 

Como prevenir um enfarte do miocárdio

Tal como em muitas outras coisas, também aqui mais vale prevenir do que remediar.

Na verdade, muito do que pode ser feito para evitar um enfarte depende exclusivamente do individuo, ou seja, da sua decisão de alterar hábitos e atitudes que vão ter um peso determinante na probabilidade de sofrer um enfarte do miocárdio.

Eis o que pode fazer:

1 – Caso seja fumador deixe de fumar o quanto antes. O tabagismo é a principal causa de morte evitável no mundo

2 – Faça 30 minutos diários de exercício aeróbico (caminhar, andar de bicicleta, nadar, etc)

3 – Reduza os níveis de stress

4 – Adote uma dieta saudável (pobre em gorduras saturadas e sal e rica em fruta, vegetais e cereais integrais).

5 – Mantenha um peso corporal adequado à sua idade, género e altura

6 – Na eventualidade de sofrer de diabetes, colesterol ou hipertensão arterial, é essencial que trate essas condições uma vez que estas aumentam expressivamente o risco de ocorrência de enfarte do miocárdio.

 

Deixe uma resposta

Agendar Consulta

Ficha de Cliente

Candidatura de Emprego

Ficha de Candidato